Um dos mais atuantes vigários da história de Barras, Padre Antônio Pereira irá deixar a paróquia da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, cuja fundação remonta ao ano de 1751.

Cantor, compositor, músico, poeta, o jovem padre tornou-se nos seis anos que está a frente da Igreja Matriz da Terra dos Governadores, não só um destacado religioso que repovoou a igreja católica do município, mas um atuante ativista cultural, congregando também admiradores, fãs, nessa área. 

Deixar Barras nunca foi pretensão de Antônio Pereira - ele sempre se sentiu em casa e dono da casa, nos quatro cantos da cidade. Mas neste Domingo, 19 de Novembro de 2017, a notícia da sua transferência para a minuscula e jovem cidade de Coivaras-PI, pegou todos de surpresa e muitos foram os protestos nas redes sociais, dos mais "didáticos" aos mais fervorosos. Em muito dos comentários nas redes sociais, a ira dos internautas abateu-se sobre o também jovem e dinâmico Bispo Francisco de Assis Gabriel dos Santos - da Diocese de Campo Maior, a qual estão inseridas as três paróquias de Barras. Acreditava a maioria que a saída de Antônio Pereira de Barras se devia a uma pretensão do Bispo Diocesano. 

O vigário da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição manteve-se em silêncio, mas a Diocese de Campo Maior não. Logo veio a explicação de que "o Padre Antônio Pereira estava deixando Barras a seu próprio pedido". Essa afirmação deixou todos os barrenses ainda mais espantados, perguntando uns aos outros: "Como? Isso é impossível acontecer, ele jamais pediria para sair de Barras!".

A editoria do Tribuna de Barras foi a procura dos fatos para esclarecer os barrenses. Não temos a afirmação do Padre Antônio Pereira, que continua em silêncio, mas nossa reportagem apurou que a saída do querido padre de todos os barrenses foi motivada por uma situação "sigilosa" e que a Igreja Católica prefere não comentar, pois é assunto de natureza interna. De antemão nossa editoria pode afirmar que Antônio Pereira não fez nada de errado, mas que se sentiu obrigado a deixar Barras para poder continuar sua missão de seguir Jesus Cristo e espalhar sua palavra por onde andar. Para seu lugar a Diocese de Campo Maior indicou o Padre Allan Kardec Ferreira de Araújo, que atualmente é o pároco da cidade de Boa Hora, situada na Região da Grande Barras, onde exerce exemplar trabalho pastoral e como Antônio Pereira, também é muito jovem e querido.

Padre Antônio Pereira deixa Barras após os festejos da padroeira, que acontecem de 28 de Novembro a 8 de Dezembro. Resta agora aos barrenses fazerem uma belíssima festa de despedida para seu querido vigário e outra grande festa para receberem o Padre Allan Kardec, novo comandante da Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição.

Reações:

Postar um comentário

  1. ESTRANHA, MUITO ESTRANHA A NOTÍCIA! Aliás, chega a ser INTRIGANTE e ESTARRECEDORA!

    ResponderExcluir

 
Top