Em jogo emocionante no Estádio Alfredo Jaconi, o Juventude venceu o Novo Hamburgo, na raça, e se tornou o Campeão Gaúcho Sub-15 2017. A torcida aproveitou a oportunidade em conhecer os futuros craques do Verdão e se fez presente nas arquibancadas na tarde deste sábado, 11 de Novembro. Com gol de Yago, que acertou o ângulo da entrada da área, o Verdão fez 1x0 e garantiu mais um título para a base alviverde provando, mais uma vez, a excelência do trabalho de formação de atletas do Esporte Clube Juventude.


Leonardo Victor, pernambucano de Recife, ex Santa Cruz-PE e Associação Desportiva de Pernambuco-ADESPE, zagueiro campeão pelo Juventude-RS

Desde o início, sabendo que precisava do resultado, o Juventude foi para cima e criou boas chances. Bem postado defensivamente e de olho nas oportunidades em contra-atacar, o Novo Hamburgo marcou com firmeza, dificultando ao máximo as investidas alviverdes. Na insistência, o Verdão chegou com perigo aos 34 minutos, em boa jogada de Lucas Martins, que finalizou à direita do goleiro. Um minuto depois, em jogada parecida, Kelvi recebeu na entrada da área e finalizou perto do gol. Mesmo com o primeiro tempo de uma equipe só, o Ju não conseguiu marcar. 0x0

A segunda etapa foi parecida: ataque contra defesa. O técnico Guilherme Bedin fez algumas substituições que surtiram efeito. Com o time muito ofensivo, a torcida sentiu que o momento era bom e apoiou até o Juventude chegar ao gol. Aos 29, Yago, que havia entrado minutos antes, driblou o marcador e em cima da risca da grande área, chutou firme, com efeito, no ângulo esquerdo, sem chances para o goleiro. Foi o que faltava para a explosão da torcida e da equipe dentro de campo. 1x0.

Exigido o jogo inteiro, o Novo Hamburgo quis superar o cansaço e mostrou garra ao tentar buscar o empate, mas o Juventude não permitiria nenhuma chance para o adversário. Por outro lado, Sagüi animou a torcida quando, na linha de fundo, aplicou uma lambreta sobre dois marcadores e foi derrubado. Na cobrança, o próprio Sagüi cobrou, mas desperdiçou o gol que, de qualquer forma, não faria falta. O Juventude sagrou-se Campeão Gaúcho Sub-15.

“Foi uma conquista para coroar o trabalho destes meninos e dos profissionais envolvidos. É muita dedicação no dia-a-dia, a cada treino, a cada jogo e tamanha entrega não poderia terminar de outra forma. Quero parabenizar a todos que, de alguma forma, participaram desta campanha, salientando que o trabalho não para e que, depois das vitórias, tudo começa novamente e precisamos sempre mostrar que temos o espírito vencedor”, destacou o técnico Guilherme Bedin, ao final da partida, em meio a uma grande festa de atletas, comissão técnica e dirigentes do Verdão!

Com uma campanha impecável, o Juventude realizou 22 jogos no Gauchão, com 17 vitórias, 2 empates e apenas 3 derrotas. O atacante Pedro Arthur terminou como artilheiro do Verdão na competição, marcando 16 gols.

Neste sábado, o Juventude foi a campo com: Breno; Deivid (Pedrinho), Leonardo Victor, Fabiano, Alemão; Pará, Kelvi (Boff), Deryck (Sagui), Lucas Martins (Jean); Rafinha, Arthur (Yago).











Reações:

Postar um comentário

 
Top