O Governo do Estado do Piauí gastou, em 2016, cerca de R$ 1,6 bilhão com acidentes de trânsito, o que representa 4,26% do PIB do Estado. A informação foi passada pelo diretor da Associação Reabilitar e renomado neurocirurgião do Estado, Benjamim Pessoa Vale, durante sessão solene realizada na ALEPI nesta quinta-feira, 14 de Setembro. Noventa e três por cento desses acidentes foram ocasionados com pessoas que conduziam motocicletas.

A sessão foi proposta pelo presidente da Casa, deputado Themístocles Filho, e alusiva a 'Semana Neuro em Ação', evento de iniciativa da Sociedade Brasileira de Neurocirurgia (SBN). Além do dado dos gastos, Benjamim Pessoa Vale destacou o número de acidentes desse ano. “O trânsito fez 150 mortes em 2016, e neste ano, de janeiro a agosto, já fez 156 mortes”, disse.

O Piauí ocupa a primeira posição no ranking brasileiro de vítimas de acidentes com motocicletas, com taxa de mortalidade de 21,1 para cada 100 mil habitantes, de acordo com dados do Ministério da Saúde, divulgados em 2017. Entre 2002 e 2012, este número cresceu 401%. No Brasil, o índice é de 6,3 mortes por 100 mil habitantes. No Piauí, foram 615 mortes em 2013. Nos últimos seis anos, acidentes com motos foram responsáveis pelo crescimento de 115% das internações hospitalares no SUS. 

“A educação é a premissa principal e vetor de transformação de qualquer sociedade. Estamos diante de um problema complexo. Todos os dias, observamos inúmeros sequelados adentrarem a porta do CEIR, em sua grande maioria jovens. Mas o dado mais estarrecedor é a quantidade de jovens que hoje, viraram cruzes de madeira na beira das estradas”alertou.  O médico lembrou ainda que jovens estão sendo transformador em incapazes, sustentados pela seguridade social e convocou todos os parlamentares e autoridades e ajudar a diminuir dados tão alarmantes.

O juiz federal Nazareno Reis, também presente durante a sessão solene, destacou o trabalho que realizou na cidade de Picos, dentro do direito previdenciário. “Durante uma semana, realizamos naquela cidade, cerca de 50 audiências em torno do tema acidente de trânsito. E o que me deixou mais triste foi a quantidade de jovens, sequelados, alguns amputados que foram vítimas”, disse o juiz. Os acidentes com motos estão mutilando e matando os piauienses, alerta.

No Piauí, a Semana Neuro em Ação é coordenada no Piauí pela Associação Reabilitar, que atua com o Projeto Pense Bem Trauma, e pela Sociedade Piauiense de Neurocirurgia, contando com a participação de ligas acadêmicas de medicina, neurologia e neurocirurgia das universidades Federal e Estadual do Piauí e de faculdades particulares. A programação conta com palestras em escolas e faculdades da capital, além da distribuição de folders e stands em locais públicos.

Reações:

Postar um comentário

 
Top