Para quem mora em Barras ou costuma andar nessa cidade piauiense distante 120 quilômetros ao norte de Teresina, 46 mil habitantes e 175 anos de fundação, ter a região do Rio Longá - 5 quilômetros da zona urbana da cidade, como um dos lugares preferidos para turismo, não é novidade, embora sempre se encante o vistante a cada vez que ande no lugar.

Para o turista o Rio Longá é mágico. Suas correntezas, o bucolismo natural das suas margens, a brisa que bate no rosto suavemente e que dar a sensação de se receber o carinho da Natureza amada... 

Na época atual, onde a fotografia voltou a ser algo presente no dia-a-dia, como já foi nos distantes anos das décadas de 1940 a 1960, não há quem perca a oportunidade de uma boa self ou posar em lugares dos mais bonitos para registrar sua passagem pelo lugar. Pelas fotos que postamos aqui nesta matéria do Tribuna de Barras, feitas no último Sábado, 15 de Abril de 2017, o leitor pode apreciar a beleza do lugar.

Neste período de intensas chuvas, o Longá fica cheio e pescar nas suas margens e comer ali mesmo o peixe frito ou assado na brasa é também uma boa pedida. Barraquinhas se instalam nas duas margens do rio, onde o turista tem bom cardápio - geralmente com a presença de peixe. 

O Rio Longá nasce no município de Alto Longá-PI, passa por Barras, entre Batalha e Esperantina forma a belíssima Cachoeira do Urubu e em Buriti dos Lopes, já chegando no litoral piauiense, joga suas águas no Rio Parnaíba no Povoado Barra do Longá.

(*) Fotos: Tribuna de Barras














Reações:

Postar um comentário

 
Top