A Secretaria de Segurança apresentou nesta Quarta-feira (08) o planejamento para a Operação de Carnaval no Piauí. Ao todo, 1.880 policiais vão atuar para garantir melhores condições der segurança aos foliões. Para possibilitar esse efetivo, serão compradas as folgas dos policiais.
Segundo o secretário de Segurança Fábio Abreu, as cidades de Floriano, Campo Maior, Barras, Água Branca, Parnaíba e Luís Correia vão receber 586 policiais militares. “Esses são os lugares que atraem maior contingente de foliões”, disse Abreu.
Dez dias antes do Carnaval será enviado reforço especial para as fronteiras do Piauí com o Maranhão, Ceará e Pernambuco. O objetivo é evitar a entrada de drogas pelas rodovias interestaduais. 
O comandante da PM, coronel Carlos Augusto, afirma que a corporação vai atuar em duas frentes: montagem de barreiras e visibilidade. "A polícia tem que ser vista, temos que estar ao alcance da população, nos fazer presentes", diz. 
Já a Policia Civil estará reforçando a as operações nas delegacias especializadas, em especial Central de Flagrantes, Entorpecentes e Delegacia de Trânsito.
De acordo com o secretário Fábio Abreu, o objetivo é reduzir os índices de criminalidade e episódios de violência registrados nos anos anteriores. “Por isso estamos montando esta ação conjunta das forças de segurança. Tudo foi pensado para atuarmos em conjunto", explica o secretário. 

Reações:

Postar um comentário

 
Top