A inédita classificação do Altos sobre o CRB na 1ª fase da Copa do Brasil mexeu com o presidente do clube, Warton Lacerda. Mais que isso: fez o dirigente meter a mão no bolso para premiar os autores da vitória por 2 a 0 construída em Teresina. Após o apito final, o mandatário alviverde prometeu dar R$ 100 mil ao time que garantiu o caçula clube do Piauí na sequência da competição nacional. O Jacaré aguarda o vencedor do duelo entre Santo André e Criciúma, previsto para o dia 16, no interior paulista.
- Parece que são R$ 330 mil (que o clube recebe por avanço de fase na Copa do Brasil). R$ 100 mil será dos jogadores. É que eles merecem. Se eu tivesse condições financeiras, eu daria todo para eles. Mostrou que temos time para enfrentar Bahia, Fortaleza... Que a gente consiga se reinventar em 2017 e consiga um grande resultado. Agora é Altos antes e depois desse jogo. Importantíssimo. Você vê a dificuldade que vive o futebol, principalmente o piauiense. Muito mais o de Altos. Esse resultado vai manter a gente vivo e forte para disputar a Copa do Nordeste também – disse o dirigente enquanto limpava as lágrimas.
Vice-campeão estadual ano passado, o Altos vive o melhor momento da curta história no futebol – três anos de fundação. Além de garantido na 2ª fase da Copa do Brasil, o Jacaré briga pela liderança do Grupo B do Nordestão com Fortaleza, Bahia e Moto Club enquanto busca o primeiro título estadual alviverde.
- A gente trabalha demais, muito mesmo. É natural que o resultado venha. Estou feliz demais. Sei nem o que dizer. O resultado uma hora vem. E veio. Eles entenderam a minha chateação após o jogo com o Fortaleza. Eu só queria que eles mostrassem isso dentro de campo. Estou muito otimista que a gente vá longe na Copa do Nordeste. É o meu sonho – completou o cartola.
Embora reconheça a dificuldade de chegar o mais longe possível nas competições que disputa em 2017, o clube espera que a injeção de ânimo no bolso dos jogadores se reflita em um melhor desempenho coletivo dentro de campo.
- O Diá trabalhou a equipe certa, pediu essa classificação porque era importante para o clube. Entra uma receita a mais da CBF. Importante tanto profissional como financeiramente para o clube. Acho que todo mundo está de parabéns pela entrega, por tudo o que o presidente vem fazendo por fora. Temos muito mais a ganha nessa competição – projetou o atacante Joelson.
(*) Renan Morais, Globo Esporte

Reações:

Postar um comentário

 
Top