O Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca de Barras distribuiu nota (veja acima), orientando os condutores de veículos para com suas responsabilidades no trânsito. Boa ação, mas seria necessário primeiro cobrar as responsabilidades do Município e do Estado para com o trânsito.

O maior problema no trânsito de Barras não é a ação dos motoristas, mas a falta de sinalização, de mão unica em ruas, de sinais luminosos, de guardas para educar o trânsito, especialmente na região do centro comercial. Antes que distribuir uma "cartilha" com normas de ação para os condutores de veículos, o Juizado Especial Cível e Criminal da Comarca de Barras deveria na forma da lei, obrigar a administração municipal a cumprir sua necessária ação de sinalizar as ruas da cidade.

Blitz 

Atendendo solicitação do Governo do Estado para arrecadar fundos para os cofres do Governo, a Polícia Militar deixa de estar nas ruas combatendo o crime e a procura dos criminosos - que são muitos -, para "prender" veículos que estão com documentação atrasada. Prender veículos com documentação atrasada é fácil, queremos ver se a Polícia Militar é boa mesmo, seria na hora de recuperar os veículos roubados dos seus donos, pois somente uma minoria é recuperada.

Segundo apurou a editoria do Tribuna de Barras, cerca de 30% dos proprietários de veículos no Piauí, estão com suas taxas atrasadas junto ao DETRAN-PI. É bom lembrar ainda que as taxas do DETRAN do Piauí são as mais caras do Brasil. Quem mora em Teresina, por exemplo, geralmente tem costume de emplacar seus carros na vizinha cidade de Timon-MA, pois no Estado do Maranhão o valor cobrado cai pela metade do que é "usurpado" no território piauiense.


Reações:

Postar um comentário

 
Top