O jornalista Reinaldo Barros Torres, editor do Tribuna de Barras e do MPiauí, foi o entrevistado desta Sexta-feira (30) do programa Esporte na Área, da TV Assembléia, Canal 16.1 HD.

O editor do Tribuna de Barras fez um levantamento de tudo de positivo que tem acontecido nos últimos 3 anos no futebol piauiense no tocante as categorias de base. Destacou porém o jornalista que, infelizmente esse trabalho altivo não vem dos clubes profissionais, mas de escolinhas de futebol situadas em bairros da Capital e em cidades do interior do Estado, que a custos dos próprios pais dos atletas, estão enviando-os para competições fora do Piauí e por lá mesmo estão ficando.

Reinaldo Barros Torres disse ainda que não acredita num trabalho de um clube profissional se esse clube não valoriza a base. Que valorizar a base não é somente colocar o time para jogar durante competições promovidas pela FFP, mas mantê-lo continuamente, inclusive disputando torneios em outros estados. Destacou a nível de Nordeste o trabalho do Santa Cruz, de Recife-PE, que vem mantendo um trabalho de base exemplar, inclusive disputando torneios em cidades do Piauí e Maranhão e captando jogadores para sua base.

O jornalista criticou os torneios relâmpagos feitos ultimante pela FFP, pois segundo ele, não revelam jogadores, somente cumprem calendário. Disse que os dirigentes dos clubes piauiense perpetuam-se no poder e isso desgasta o futebol e afasta o torcedor, além de proporcionar corrupção. Falou ainda Reinaldo Barros Torres que não vê com bons olhos a realização do campeonato piauiense profissional de 2017, pois segundo ele os clubes estão falidos e somente o River e o Piauí Esporte Clube possuem centro de treinamento, o que dificulta ainda mais.





Reações:

Postar um comentário

 
Top