A coluna do conceituado jornalista piauiense Arimateia Azevedo, no jornal O Dia, periódico decano de Teresina, trouxe hoje (22) declarações feitas pelo prefeito de Barras, Edílson Sérvulo, em cima de um palaque mencionando que "recebeu a Prefeitura de Barras quebrada devido as ações nada recomendáveis dos seus prefeitos antecessores".

Segundo o jornalista o discurso de Edílson Sérvulo, que é candidato a reeleição e tem Manim Rego e Chico Marques como aliados (os dois prefeitos que lhe antecederam), teria sido feito recentemente em comício num dos bairros da Terra dos Poetas. A foto que ilustra a matéria mostra os dois ex-prefeitos ao lado do atual Edílson Sérvulo no momento do mencionado discurso. Abaixo, reprodução da nota escrita por Arimateia Azevedo no jornal O Dia.


Manim Rêgo, de fato, deixou o Palácio Casa Rosada, sede da Prefeitura, com portas e janelas caídas e com energia e água cortadas devido falta de pagamento. À época o Tribuna de Barras fez reportagem e dos 7 anos que Manim Rego passou como prefeito só foi o paga a conta de energia do seu primeiro mês na Casa Rosada (Janeiro). Já Chico Marques, com a prefeitura endividada, tentou governar através de recursos oriundos de emendas parlamentares do então deputado federal Marllos Sampaio, mas muitas delas empregadas indevidamente e com escândalos como o da construção do Cine Teatro Municipal, quando o próprio Chico Marques anunciou que já estava na conta da Prefeitura R$ 800.000,00 para a conclusão da obra, mas só colocaram os tapumes no canteiro de obras, seguidamente abandonado. E o dinheiro, até hoje Chico Marques não disse para onde foi.

Talvez Edílson Sérvulo tenha razão no que disse.E foi muito macho em falar ladeado por Manim Rego e Chico Marques, que ficaram caladinhos, mudos, estáticos e com feições envergonhadas conforme mostra a foto acima. Só faltou Edílson Sérvulo dizer que quase todos os seus aliados ex-prefeitos são "ficha suja", processados e com processos em andamento por malversação de recursos públicos.


Reações:

Postar um comentário

 
Top