O número insuficiente de professores efetivos no campus da Universidade Estadual do Piauí - UESPI em Barras, irá provocar a suspensão de novas vagas para estudantes, o que tem ocasionado o temor da população estudantil de Barras e de toda as cidades da Região da Grande Barras.
O reitor da UESPI, Nouga Cardoso, afirma que a instituição está fazendo o que é possível para manter o funcionamento do campus. "Estamos fazendo tudo dentro das nossas condições. A questão é que neste momento não temos como contratar professores efetivos e devido o Estado não poder realizar novo concurso ficamos impossibilitados. Assim, o que pedimos é uma maior compreensão do Conselho Estadual e da população", afirmou Nouga.
De acordo com a audiência realizada na última terça-feira, dia 12, no Ministério Público do Estado (MPU), a situação da Universidade está de forma precária. Atualmente, o polo possui 59 cursos distribuídos nos 12 campus da instituição, com menos de cinco professores efetivos no quadro.
Tentando diminuir o impacto na diminuição do número de vagas para os estudantes das cidades da Região da Grande Barras, foi apresentado pelo deputado Fernando Monteiro na Assembleia Legislativa do Piauí, um requerimento que solicita à Secretaria de Educação do Estado do Piauí e o Conselho Estadual de Ensino que continuem a manter as vagas e não ocorra a suspensão de novas vagas. “A população não tem culpa da atual situação da UESPI, e muitos estudantes se deslocar para Teresina para custear um curso”, explica o parlamentar.
O deputado estadual Fernando Monteiro também completa que o local atende uma população muito grande. “Fechar o campus de Barras é deixar a população da região desassistida, isso é um retrocesso para a educação e não podemos permitir. Esperamos que o Conselho de Ensino atenda nosso pedido pois é uma impossibilidade do próprio Estado realizar o concurso para professores efetivos neste momento. Este é o clamor da população", destacou Fernando Monteiro.

A população da Região da Grande Barras é composta de cerca de 180 mil habitantes e engloba os municípios de: Barras, Nossa Senhora dos Remédios, Miguel Alves, Cabeceiras, Boa Hora, Porto, Campo Largo, Esperantina e Batalha.
Reações:

Postar um comentário

 
Top