A colônia em Teresina da progressista cidade de Água Branca, distante 96 quilômetros da capital piauiense, atendeu em cheio ao convite do prefeito Jonas Moura de Araújo e esteve presente na manhã deste Domingo, 22 de Maio, no Complexo Cultural e Esportivo Joca Claudino, Bairro Tabuleta, zona sul de Teresina.

Cerca de 800 pessoas passaram a manhã e boa parte da tarde num bom bate-papo, onde foi servido fato coquetel e almoço. 

Na oportunidade o prefeito Jonas Moura de Araújo apresentou em um telão, vídeo mostrando as realizações da Prefeitura de Água Branca nestes últimos 3 anos e 4 meses, arrancando entusiasmados aplausos dos presentes.

Além de Jonas Moura, usaram da palavra o deputado estadual Doutor Pessoa, deputado federal Júlio César de Carvalho Lima, vice-prefeito Ralph Alexandrino, vereador Ivon Lendel Sales, empresário Nen Motos (pré-candidato a vice-prefeito de Jonas Moura para as eleições municipais deste ano).

Em seu pronunciamento o deputado federal Júlio César de Carvalho Lima disse que: "No Piauí, o prefeito que quiser administrar bem seu município, deve ir a Água Branca para assistir uma aula de Jonas Moura". E completou: "Jonas Moura conseguiu com recursos próprios, parcerias com o Governo Federal e através de emendas parlamentares, construir grandes obras em Água Branca, que fizeram o Piauí voltar seus olhos para o modelo administrativo adotado no município".

Já o deputado estadual Doutor Pessoa, que nasceu na zona rural de Água Branca e é pre candidato a prefeito de Teresina este ano, disse que: "Jonas Moura revoluciona a arte de gestor público no Piauí da forma mais simples, a que todos deveriam adotar: pagando funcionários e fornecedores em dia, mantendo todas as responsabilidades do município em dia, construindo obras em todas as áreas e principalmente onde elas são mais necessárias. Fazendo assim, Jonas Moura elevou ao auto estima dos seus conterrâneos e faz disparadamente a melhor administração entre os prefeitos de todos os 224 municípios piauienses".

Já Jonas Moura, sempre muito cometido, enumerou uma a uma as obras mais revelantes da sua administração numa verdadeira prestação de contas. Falou do seu compromisso para o cargo ao qual foi eleito, que cortou muitos gastos e demitiu pessoas que não queriam trabalhar mas tão somente receber salário; que olhou para as regiões menos favorecidas do município mas não esqueceu que também as mais favorecidas tem seus problemas que precisavam ser resolvidos. Enumerou com destaque os 69% de saneamento básico com esgotamento sanitário numa obra ainda em andamento no valor de 18 milhões de reais, dos muitos quilômetros de calçamento e asfalto em ruas e avenidas, que entregará em breve um ginásio poliesportivo de três em construção, da construção e reforma de escolas, sinalização horizontal/vertical/luminosa com semáforos nas principais ruas e avenidas, ciclovias, iluminação especial em avenidas, da orla do Açude Municipal, academias de ginástica, praças. Que a transformação de Água Branca num verdadeiro canteiro de grandes obras enriqueceu não só a cidade mas deu oportunidades de emprego a centenas de conterrâneos.

Em entrevista exclusiva aos portais MPiauí e Tribuna de Barras, quando foi perguntado sobre seus adversários estarem comentando que o ato de reunir os aguabranquenses em Teresina é político, Jonas Moura respondeu: "Quem viu aqui algum ato político? Todos viram um evento social, cultural, um encontro de amigos e de pessoas que querem o bem de Água Branca; encontro esse que está também aberto aos conterrâneos da oposição, eles também podem vir, nossa terra é todos. Daqui pra frente, anualmente, teremos uma festa assim, uma festa mais aprimorada, transformando esse encontro num grande evento onde Água Branca possa mostrar suas potencialidades culturais e tudo de bom que produz", finalizou o chefe do executivo.

(*) Para ver as fotos em tamanho maior, clique com seu mouse em cima das mesmas.




































Reações:

Postar um comentário

 
Top