Samuel, de uniforme amarelo, posando ao lado de André (a grande revelação do futsal Sub-15 da cidade de Barras).


Samuel, 15 anos completados em Janeiro de 2015, há um ano no Cruzeiro-MG. Perfil inicial do jovem jogador com família residente no Bairro Deus Quer, zona sudeste de Teresina, que começou a mudar a sua história quando resolveu jogar futebol e futsal na Sociedade Esportiva Garra, agremiação sediada em Teresina e que tem como diretor-técnico o odontólogo Marcelo Amorim, um dos mais conceituados e premiados treinadores do meio norte do Brasil. Marcelo Amorim tem estreita amizade com empresários do futebol e dirigentes do Sudeste e Sul do País e é o único olheiro do Cruzeiro-MG em nossa região.

Com a habilidade do garoto Samuel, chegado ao Garra com 13 anos, não foi difícil logo se notar que tratava-se de um atleta diferenciado tanto em campo de futebol como nas quadras de futsal. Enviado por Marcelo Amorim no início de 2015 para uma temporada de testes na Toca da Raposa, onde reside atualmente em Belo Horizonte, logo Samuel conseguiu destacar-se entre dezenas de outros garotos que chegaram para testes advindos de todo o Brasil e outros países. Sua contratação pelo Cruzeiro já passou a ser certa e seu sonho de mudar sua história e da sua família começava a render os primeiros capítulos.

Samuel firmou-se no time Sub-15 do Cruzeiro, tornou-se uma das referências da equipe, no final de 2015 sagrou-se Campeão Mineiro Sub-15 fazendo o gol da vitória na grande final contra o maior rival, o Atlético-MG: 1x0 para a Raposa Mineira. O jogador piauiense de Teresina foi ovacionado pelos torcedores no estádio da cidade de Ibirité, onde aconteceu a final, ganhou machete nos jornais e comentários dos mais agradáveis por parte da imprensa tanto no rádio como na TV, muitos deles, tipo: "Surge um grande ídolo na base do Cruzeiro", "Samuel, nome promissor do Cruzeiro para o futuro", "Samuel, o grande nome da decisão do Mineiro Sub-15".

Humilde, meio tímido, Samuel continua com seu foco no objetivo: o futebol. Nunca deixou os elogios ou o sucesso subir à cabeça. Assim  ele fez em Barras neste Sábado, 20 de Fevereiro. Defendendo seu clube formador - a Sociedade Esportiva Garra -, em um amistoso Sub-17 contra o Barras Futebol Club, Samuel entrou em campo somente aos 20 minutos do segundo tempo, o suficiente para chamar atenção pela classe e elegância na forma de jogar futebol e ainda marcar os 2 gols do seu time no amistoso. E olhe que o craque piauiense do Cruzeiro ainda atuou com muita cautela, evitando divididas! Quem foi ao Juca Fortes, ficou feliz em ver em campo um jogador que não é querer demais, sonhar em logo podermos vê-lo desfilando pelos gramados do Brasil e exterior, atuando no time principal do Cruzeiro, Seleção Brasileira... Sonhar não custa nada, e o sonho já se torna  bem real pelo que faz Samuel dentro de campo.








A noite deste Sábado (20), Samuel voltou a jogar, desta vez futsal, defendendo o Garra no Ginásio Poliesportivo Duty Rego,  na categoria Sub-15 e novamente deu show com a bola no pé e fez gols, fez gols e foi muito elogiado.

A editoria de esportes do Tribuna de Barras, como a torcida que compareceu ao Juca Fortes e ao Duty Rego, se rendeu ao talento de Samuel e fica agora na arquibancada, torcendo, para vê-lo em breve ter o destaque que merece como jogador adulto. Deus seja louvado.

No final do jogo de futebol e do de futsal, Samuel, que já era muito conhecidos dos demais jogadores barrenses através de fotos e reportagens, atendeu a vários convites para posar para fotos, sendo sempre muito simpático, atencioso e receptivo.

Abaixo, imagens de Samuel posando para fotos com atletas barrenses e teresinenses, que nutrem o sonho alcançado pelo craque do Cruzeiro: chegar um dia a um grande clube de futebol.











Reações:

Postar um comentário

 
Top