Uma equipe da Polícia Militar do Piauí, sem pagamento de hora extra, trabalhou na madrugada desta Quinta-feira (4) no trecho urbano da rodovia PI-113 em Cabeceiras do Piauí, cidade distante 28 quilômetros de Barras.

Segundo os policiais o motivo da blitz seria para apreender motos possivelmente roubadas que estariam em circulação na região, mas a editoria do Tribuna de Barras foi informada que o Governo do Estado está avido por arrecadação, e que mais de 50% dos veículos em circulação estão com pagamento de IPVA atrasado, devido a crise financeira imposta aos brasileiros pelos desmandos do Governo do PT.  Estamos em ano de eleição e mais uma vez o dinheiro do povo piauiense deverá ser usado para eleger os possíveis diretores do DETRAN-PI que serão candidatos, já que muitos diretores do órgão entram por lá pobres e costumam sair ricos e eleitos para a Câmara Municipal de Teresina, Assembléia Legislativa ou Câmara Federal.


O Governo do Piauí é muito bom para usar o DETRAN e a Polícia Militar para "tomar dinheiro do povo", mas não dá boas condições de trafegabilidade nas estradas estaduais, que são estreitas, sem acostamento ou com estreito acostamento e o mato invadindo por falta de roço; além de esburacadas e sem sinalização ou com sinalização deficitária. Os impostos que o povo paga só servem para alimentar a roubalheira escancarada.

Se devido a problemas financeiros, você estiver com a documentação do seu veículo em atraso, evite andar com ele na Região da Grande Barras até que consiga pagar.




Reações:

Postar um comentário

 
Top