O prefeito Jonas Moura, da cidade de Água Branca,  está participando da Reunião Internacional para implementação de novas alternativas para o controle do Aedes aegypti no Brasil, organizada pelo Ministério da Saúde, que acontece em Brasília nesta Quarta-feira (17) e segue até Quinta-feira (18). O prefeito piauiense foi convidado para participar por conta da experiência de sucesso do projeto Água Branca Livre da Dengue, destacado no Jornal Hoje, da Rede Globo.

O município teve projeção nacional após o reconhecimento do Ministério da Saúde a respeito do projeto, que virou Lei Municipal no final do ano passado, quando apenas cinco casos de dengue foram notificados ao longo do ano, após a implantação do programa. Nenhum caso das outras doenças recentemente relacionadas ao mosquito Aedes Aegypti foi notificado em Água Branca.

“É importante repercutir a experiência de Água Branca para o resto do Brasil e para organismos internacionais. Estamos muito orgulhosos, agindo com responsabilidade no combate ao mosquito. Mas só conseguimos esses resultados por conta do trabalho em conjunto e da ação da população, que abraçou a causa”, diz Jonas Moura, prefeito de Água Branca.

Água Branca Livre da Dengue

O projeto consiste na integração dos agentes de saúde comunitários e dos agentes de endemias do município, que visitam conjuntamente as casas e logradouros, em busca de possíveis focos do mosquito. Caso o local ou a residência visitada não tenha nenhum foco receberá o selo verde. Os selos também existem na cor amarela e vermelha, que indicam risco e evidência de focos, respectivamente.

Todas as casas ou prédios são visitados bimestralmente em Água Branca, garantindo uma constante vigilância dos próprios moradores. Tornando o projeto em Lei municipal, a Prefeitura garantiu a continuidade do projeto por tempo indeterminado.


Em primeiro plano na foto, de terno preto, Jonas Moura, prefeito de Água Branca - PI



(*) 24horaspiaui

Reações:

Postar um comentário

 
Top