Foliões fantasiados surgiam de todos os bairros da cidade rumo ao centro histórico. Homens vestidos de mulher, mulheres vestidas de homem, mantiveram a tradição de várias décadas de saírem às ruas da Terra dos Poetas, sempre com muita irreverência, arrancando aplausos e gargalhadas das muitas pessoas que se aglomeram nas calçadas das ruas e avenidas para verem os blocos passarem.

A Terça-feira de Carnaval é para muitos o dia mais esperado da festa de Momo barrense e há uma explicação: a brincadeira nos blocos de sujos. Até os mais tímidos turistas, aqueles que vem a Barras pela primeira vez, não aguentam a caem na folia. É uma festa democrática, foliões de todas as idades podem participar e com certeza agrada a todos ao ponto de que quem brinca uma vez que brincar em todos os outros carnavais.


Um parto no meio da rua com a "paciente" sendo atendida por uma "equipe do SAMU"

























Reações:

Postar um comentário

 
Top