Incompetência a toda prova. A Prefeitura de Barras fez terraplanagem para colocação de asfalto na Avenida Beira Rio e muitos mentirosos de plantão espalharam por sites da cidade que seria o início das obras da Orla do Rio Marathaoan, prometida desde o início da administração de Manim Rego, há 12 anos!

A Prefeitura de Barras esperava que o Governo do Estado desse o asfalto para colocar na Avenida Beira Rio, onde desfilariam os blocos, mas o governador Wellington Dias não esconde que apoiará nas eleições deste ano a candidatura de Carlos Monte ao Palácio Casa Rosada. Daí, foi fácil usar e abusar da inocência política do grupo capoteando e quando estivesse há cinco dias do início da festa, desse o bote! 

O Governo do Estado mandou gente do DER-PI a Barras e prometeu asfalto na Avenida Beira Rio e em outras da cidade, o Tribuna de Barras não divulgou nada, pois já está "escaldado" com o "Governo Promessa de Wellington Dias". Como prevíamos, o governador não deu milho para encher o papo de pinto (ou capote) adversário. Só para lembrar: cadê a nova ETA - Estação de Tratamento d'Água de Barras que seria construída de imediato pela AGESPISA? Essa obra da ETA pode até sair, mas se Edílson Sérvulo perder a eleição.

Agora, há quatro dias do início do carnaval, resolveu a Prefeitura de Barras adotar para percurso dos blocos a Região do Centro Histórico da cidade, onde residem famílias antigas, a maioria com idosos. Além do desconforto para essa parte da população que não irá conseguir dormir e poderá até adoecer com tanto barulho, poderemos no final do carnaval ver as praças Senador Joaquim Pires e Monsenhor Boson, revitalizadas recentemente, ficarem com seus canteiros e bancos totalmente destruídos. Nas redes sociais os barrenses estão reprovando o novo percurso, preocupados que estão com o barulho e com os estragos que os integrantes dos blocos devem fazer nas praças, prédios públicos e residências por onde os foliões passarem. Pelo visto o povo está mais sensato que os mandatários da Prefeitura.

Nota zero para a Prefeitura de Barras.

percurso

Novo percurso dos blocos faz com que os mesmos saiam do Barras Clube, passem pela Rua General Thaumaturgo de Azevedo, passando pela Praça Monsenhor Boson, chegando até a Praça Senador Joaquim Pires, de onde retornam ao Barras Clube. Percurso toral de 2.500 metros.


Assim ficou a Avenida Beira Rio após a terraplanagem feita pela Prefeitura de Barras e a espera do prometido asfalto que seria pago pelo Governo do Estado.



Novo percurso após a fracassada ideia da Avenida Beira Rio

O novo percurso para o desfile dos blocos será pela Rua Thaumaturgo de Azevedo até a Praça Senador Joaquim Pires.  Sairá da Arena Dinamite, instalada em frente ao Barras Clube, e seguirá pela Rua General Thaumaturgo até a Praça Senador Joaquim Pires, passando pela Praça Monsenhor Boson. 

Abaixo, veja as paisagens por onde passarão os blocos. Será que vale à pena termos toda a beleza desses lugares semidestruídos por causa de 4 dias de carnaval?























Reações:

Postar um comentário

  1. MEUS DEUS, QUANTA IRRESPONSABILIDADE. ALÉM DE FICA NA ÁREA DO HOSPITAL, A FIAÇÃO ELÉTRICA DO CENTRO DA TODA PODRE E É BAIXA. MUITO JOVEM PODE MORRER ELETROCUTADO. SERÁ QUE QUEREM QUE OS JOVENS CAPOTEM JUNTO COM ELES?

    ResponderExcluir

 
Top