Voluntários coordenados pelo GAV - Grupo de Apoio Voluntário, instituição sem fins lucrativos que exerce elogiado e reconhecido trabalho social e educativo em Barras, realizaram na manhã deste Domingo (17), limpeza de toda a área ribeirinha do Riacho Santo Antônio, importante acidente geográfico do município de Barras.

Os organizadores não informaram a quantidade de lixo (peso) retirado do riacho e das suas margens, mas disseram que foi bem menor em relação a mesma operação realizada em Janeiro de 2015.

A comunidade ribeirinha também participou da ação, especialmente as crianças que indiscutivelmente estavam cuidando do seu futuro ajudando na limpeza do riacho e das suas margens.

Um almoço bem ao estilo piquenique, foi servido a todos que participaram da operação. Sorteio de brindes entre as crianças e adultos que moram na região do Riacho Santo Antônio, também foi um dos pontos altos do dia. 

Adelina Barbosa, uma das ambientalistas do movimento que se chama Ecoação, feliz, disse ao Tribuna de Barras: "Agora pode chover. O Riacho Santo Antônio agradece. Que nossa ação sirva de exemplo para os demais barrenses... olhem aí o Marathaoan pedindo socorro também! Acorda sociedade, não dar para ficar esperando pelo Poder Publico, temos que fazer a nossa parte de beija-flor".

Imaginemos agora a sujeira que irão deixar no Rio Marathaoan com a transferência do desfile dos blocos de carnaval para a Avenida Beira Rio! A Secretaria do Meio Ambiente da Prefeitura de Barras não deveria nem permitir o carnaval no lugar, mas como o cargo de secretário só serve para dar dinheiro para aliados políticos (...). Deveriam ao menos colocar tapumes protegendo o rio.





















Reações:

Postar um comentário

 
Top