O Campeonato Piauiense de Futebol da Segunda Divisão 2015 está somente na sua quarta rodada, mas críticas severas já estão sendo feitas a arbitragem e até a um suposto favorecimento ao Picos por até agora somente ter feito seus jogos em casa, no Estádio Helvídio Nunes de Barros. O Picos lidera isoladamente a competição com 10 pontos, seguido do Altos com 7. O presidente do Altos, Warton Lacerda, em contato com o Tribuna de Barras se mostrou queixoso em virtude dos privilégios que o time picoense vem tendo na competição.

Já a disretoria do Esporte Clube Timon tem se queixado das arbitragens em seus jogos. Veja abaixo nota publicada na fan page oficial do clube na rede social Facebook neste Domingo (18) após a Águia Timonense ser derrotada na noite de ontem (17) pelo Picos, por 2x1.

Abaixo a lista com os nomes da arbitragem de Picos 2x1 Timon



Nota de Repúdio:
Eu, Raimundo Leal Silva Filho, venho por meio desta nota, manifestar sobre a ridícula atuação da arbitragem, prejudicando integralmente o nosso clube ontem no estádio Helvídio Nunes em Picos; preferimos acreditar que foi apenas incompetência do quadro de árbitros, comprometendo o trabalho de mais de 40 profissionais envolvidos por Timon na partida, vejamos os mais graves:
1. A expulsão do zagueiro Jó, que fez apenas, duas faltas não violentas e foi premiado com dois cartões amarelos, nos leva a crer da irregularidade da atitude do árbitro;

2. Um gol do nosso time (Timon) claramente legal anulado pelo assistente; 
3. Um gol realizado pelos Picos quando tínhamos um jogador caído no meio do campo, após sofrer uma pancada na cabeça, esse mesmo gol foi feito após o lançamento de um jogador do SEP que recebeu a bola em condição irregular de impedimento.


Por fim, ressalta-se que tudo isso foi confirmado não só pela imprensa de Picos, como também por sua torcida. 
Portanto, chegamos à conclusão de pedir afastamento imediato do quadro incompetente de árbitros que atuou na partida para todos os jogos do Esporte Clube Timon. Queremos acreditar que a Comissão de Arbitragem entenderá nosso repúdio e que os árbitros não tinham a intenção de nos prejudicar, apesar de que para muitos isso ficou claro.

Atenciosamente,
Leal Filho
Presidente do Conselho Deliberativo
Reações:
 
Top