Desportistas e esportistas barrenses têm procurado o Tribuna de Barras ultimamente, para denunciar o descaso da diretoria do Barras Futebol Club para com o time que num passado glorioso já deu muito orgulho não só aos barrenses mas também a todos os piauienses. Com uma diretoria 100% inoperante, presidida por Laércio Vinícius do Nascimento,  o Bafo não tem mais nem categorias de base! Sua história com textos, súmulas e fotos de memoráveis momentos só existe porque é preservada pelos jornalistas barrenses Francisco Vieira e Reinaldo Barros Torres.

Ações da Prefeitura de Barras que possam elevar o esporte como um todo também inexistem. Jovens atletas da cidade disputaram recentemente a Copa Norte de Futsal, em Batalha, viajando em cima de um caminhão pau de arara, pois ninguém os ajudava a viajar para os jogos de uma forma mais digna. Campinhos dos bairros estão abandonados, quadras de esporte públicas como a do Bairro Xique Xique, estão totalmente abandonadas.

A principal praça de esporte do Município, o famoso Estádio Juca Fortes, há exatos 16 meses, está com parte do muro da área da arquibancada das gerais, caído. Segundo a Secretaria de Obras e Serviços Públicos não há previsão de reforma no Juca Fortes. Em 2016 teremos eleição municipal, talvez o estádio seja reformado, o Barras Futebol Club seja reativado, tudo pra se enganar o povo mais uma vez usando o esporte como mola mestra.

Com fotos do repórter e desportista Pedro Silva, o Tribuna de Barras ilustra esta matéria.





Reações:
 
Top