O Primeiro Campeonato Municipal de Futsal Feminino realizado na cidade de Hugo Napoleão, Região do Médio Parnaíba Piauiense, distante 110 Km ao sul de Teresina, teve sua partida final na noite de ontem (20).
Com a final realizada na Quadra Municipal e com a presença de um bom público, os times do Poeirão e do Miami disputaram o título. O Poeirão venceu por 2x1 com gols de Suinara e Dayane. O gol do Miami foi marcado por Talya.
Após a entrega do troféu de campeão para o Poeirão, jogadoras e torcedores do time saíram em passeata com carros e motos pelas ruas da cidade. A partir daí, segundo tomou conhecimento a reportagem do Tribuna de Barras, grande confusão passou a tomar conta das ruas, quando as jogadoras do time perdedor passaram a ser agredidas a pauladas e pedradas por torcedores e simpatizantes do time adversário. A jogadora Eduarda, do Miami, filha da conhecida  professora Ezenilda Maria, após levar pedradas na cabeça foi legava com urgência para o Hospital Dirceu Arcoverde, em Água Branca, onde recebeu os primeiros socorros e foi pontuada na cabeça.  Outras jogadoras do Miami também tiveram ferimentos e foram socorridas na cidade de Hugo Napoleão por familiares e amigos.


Em tempo: A assessoria do time do Poeirão entrou em contato com a editoria do Tribuna de Barras na noite desta Segunda-feira (21), informando que houve bastante agitação por parte dos torcedores de ambos os lados; que não se pode afirmar que a atleta ferida com fotos publicadas no Tribuna de Barras teria sido vitimada por torcedores do Poeirão, informou também que não houve "pauladas", apenas pedradas.  












Reações:
 
Top