As ações da Prefeitura de Barras deixam a desejar e muito. Desde o desrespeito para com o Cemitério São José, que cheio de mato torna-se uma agressão à memória dos que ali foram enterrados e as suas próprias famílias, até às questões ambientais.

O Rio Marathaoan pede socorro há muito tempo. Na Rua do Fio, fossas de banheiros das casas que margeiam o Marathaoan  terminam contaminando a água do principal acidente geográfico barrense.

Mas não fica só nisso. A foto que ilustra esta matéria, feita por Eloy Pires Lages Filho, mostra não só a atitude irresponsável de quem colocou lixo na beira do Rio mas também a falta de compromisso com o meio-ambiente por parte da Prefeitura de Barras, que deixa o local cheio de mato e parte da lâmina aquática com aguapés.

O Projeto da Orla do Marathaoan tão anunciado... nos parece que vai ser igual ao do Cine Teatro anunciado pelo ex-prefeito Francisco Marques, que com dinheiro na conta da Prefeitura, advindo de emenda do deputado federal Marllos Sampaio, fez festa para colocar os tapumes e fazer o canteiro de obras... mas até hoje ninguém sabe o que ele fez com o dinheiro... e a decantada obra, inexiste sem nenhuma cobrança do Ministério Público, Câmara de Vereadores e nem da maioria dos irresponsáveis eleitores barrenses, que votam para quem promove festa, algazarra, distribui cachaça, em detrimento de quem seja sério e realmente deseje dias melhores para Barras e seu povo.

Viste Barras, antes que ela se acabe!


Reações:
 
Top