Marcos, em seu evangelho, menciona que Jesus fora crucifi­cado na hora terceira (Nove horas da manhã), conforme o tempo judeu "Então, o crucificaram e repartiram entre si as vestes dele, lançando-lhes sorte, para ver o que levaria cada um. Era a hora terceira quando o crucificaram." (Mc 15:24,25)e no Evangelho de João nos informa que na hora sexta (ao meio dia) Jesus estava ainda em julgamento"Ouvindo, pois, Pilatos esse dito, levou Jesus para fora e assentou-se no tribunal, no lugar chamado Litóstrotos, e em hebraico o nome é Gabatá. E era a preparação da Páscoa e quase à hora sexta; e disse aos judeus: Eis aqui o vosso rei." (Jo 19:13,14).

Isso faria com que a Sua crucificação teria ocorrido mais tarde do que narrou Marcos em seu Evangelho.

Então qual dos Evagelhos estaria especificando corretamente o horário da crucificação?
Contudo, Aqui não há nenhuma contradição, pois devemos ter em mente a possi­bilidade de haver dois tipos de medição do tempo. E certamen­te os dois escritores fizeram uso diferenciado dos mesmos.

O tempo romano era calcu­lado de meia-noite à meia-noite, do mesmo modo como contamos atualmente. O período de 24 horas ju­daico portanto começava às 6 horas da tarde e estendia-se às 6 horas da manhã, quando reiniciava outro período.

Assim, quando Marcos afirma que Cristo fora crucificado na ter­ceira hora, esse horário corres­ponde às 9 horas da manhã do nosso tempo (período judaico). E quando João relata que o jul­gamento de Cristo foi por volta da hora sexta (período romano), esse horário equivale às 6 da manhã.

Não há nenhuma contradição entre os evangelistas. A diversi­dade de métodos e de estilo apenas acentua a liberdade que os escritores sagrados tinham em relatar a verdade que viram.

Os dois evangelistas estão corretos em suas afirmações, João segue o sistema de tempo romano, ao passo que Marcos segue o sistema judaico.
Reações:
 
Top