Na noite de Quarta-feira (22) foi registrado um grave acidente envolvendo uma motocicleta  e um veiculo modelo  Hilux na PI-113, entre José de Freitas e Cabeceiras do Piauí, na altura da localidade Marcos. É grande a quantidade de acidentes na PI-113 em todo seu percurso, que inicia na BR-343 e vai até Barras. O asfalto com buracos, estrada sem acostamento ou com estreito acostamento, sem sinalização, mato invadindo a pista e animais na estrada são as principais causas de acidente. Ações benéficas do Governo do Estado através do DER-PI são quase inexistentes.
De acordo com as informações  da Polícia Militar, dois jovens de nomes Carlinhos, 19 anos, e Denílson de 16 anos que residiam  na localidade Caiçara ll, zona rural de José de Freitas,  colidiram sua motocicleta com  uma caminhonete de cor branca e placa  LWE 9800/Esperantina quando trafegavam na PI-113.

Os estudantes morreram no local do acidente. O motorista do veículo se dirigia de José de Freitas para Esperantina quando colheu violentamente os jovens. Em seguida temendo represália fugiu sem prestar socorro as vitimas.
A Hilux arrastou as vitimas por cerca de 50 metros do local do acidente, deixando ambos as margens da PI-113, já a motocicleta ficou embaixo do automóvel e totalmente destruída. Os carros modelo Hilux, devido a pouca estabilidade, são os que mais se envolvem em acidente do Brasil, segundo estatísticas. Segundo o presidente da Toyota, em entrevista a imprensa no início de Abril deste ano, o modelo Hilux foi feito para carga e na América Latina é muito usado como se fosse automóvel de passeio, daí o questionamento sobre a estabilidade. Segundo ele o carro com peso tem sua estabilidade normal. Por ser um carro caro, muitos compram para usar por puro exibicionismo, por status.
Uma ambulância do SAMU foi até o local do acidente para prestar socorro, mais as vitimas já tinha entrado em óbito. os corpos  foram  encaminhadas para o IML em Teresina.
(*) Com informações do JF Agora
Reações:
 
Top