Bem que a prefeitura de Barras fez tudo direitinho, as ruas estão limpas, ornamentadas, bandas de médio porte foram colocadas num espaço chamado de "Arena Balão", e os foliões - na maioria barrenses -, brincaram neste Sábado de Carnaval de forma disciplinada, ordeira. Muitos dizem "está ótimo, Barras faz o melhor carnaval", expressão lógica do sempre exagerado bairrismo local.

Mas a verdade a olho nú é brutal. Barras ao menos até agora recebe um público muito tímido advindo de outras paragens. Casas para alugar aos turistas sobram aos montes! 

E o Bloco Dinamite? Há, o Bloco Dinamite! Faz muita falta, há como faz! Mas a prefeitura está certa em não entregar dinheiro público para a iniciativa privada fazer festa e empresários ganharem dinheiro. Se o Bloco Dinamite é de um grupo de empresários e eles são que lucram, que eles façam a festa com gastos próprios!

Entre os foligões, digamos, "nativos" (nascidos em Barras), nota-se um ar de satisfação, de euforia, até nas redes sociais: "Está muito bom, estou me divertido muito", expressões assim são as primeiras vistas. Mas quem veio de fora tem reclamado quase de tudo, acostumado com os carnavais passados. Para os turistas, o saudosismo não permite dizer que o carnaval de Barras tenda a ser o melhor do Piauí em 2015!

Até a Natureza não colaborou este ano! Os rios Marathaoan e Longá, cheios em carnavais passados, tornavam-se um bálsamo para a alma e alegoria de primeira necessidade para o mais exigente folião. Em 2015 o "inverno nordestino" tem sido fraquíssimo, quase não tem chovido. Os rios Marathaoan e Longá estão secos, não há opções de banho.

... Como a menina solitária da foto principal desta matéria (foto acima), esperamos que na Quarta-feira de Cinzas não possamos olhar para Terça-feira, Segunda-feira, Domingo, Sábado, ou seja, olhar para trás e dizer: "este não foi o ano do carnaval de Barras, que venha 2016!"


















Reações:
 
Top