O piauiense Inácio de Sá Bezerra Neto (foto acima), 17 anos, conseguiu um feito que poucos estudantes atingem. Ele foi aprovado para o curso de medicina em 15 universidades. O jovem natural de Monsenhor Hipólito, cidade localizada a 369 Km ao sul de Teresina, contou como alcançou as aprovações e deu dicas para quem se prepara para fazer o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) neste ano. O exame é considerado a porta de entrada para o ensino superior no Brasil.

Inácio de Sá Bezerra disse que o sonho de ser médico surgiu ainda quando era criança, mas para tornar as brincadeiras de infância realidade, ele revelou que precisou abandonar o conforto familiar para estudar em outras cidades. “Estudei até o 7º ano em Monsenhor Hipólito, depois fui para Picos e lá cursei o 8º e 9º ano. Quando cheguei ao ensino médio decidi que iria cursar em Teresina.  Agora ter sido aprovado em vários vestibulares é o resultado de horas de estudos”, afirmou.
O jovem obteve uma média de 785,16 no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem ) e com esta nota consegui passar no curso de medicina em universidades nos estados do Maranhão, Ceará, Bahia, Paraíba, Macapá, Alagoas, Sergipe e Minas Gerais. Dentre as 15, Inácio optou por estudar na Universidade Federal no Vale do São Francisco (UNIVASF), em Petrolina, no Pernambuco. O rapaz contou que a cada resultado uma mistura de surpresa e alegria tomava conta de seus amigos e familiares.
“Minha família sempre me deu muito apoio durante a minha formação como estudante, e, apesar de sempre me incentivar e de acreditar em mim, nunca me pressionou. A cada resultado divulgado, eu me sentia muito feliz e chocado por ter conseguido mais uma vitória. E eles ficavam cada mais orgulhosos pelos meus resultados”, comentou Inácio de Sá.

Esta não é a primeira vez que o estudante é aprovado em vestibulares. Aos 16 anos, Inácio de Sá foi aprovado para os cursos de Biomedicina na Universidade Federal do Piauí (UFPI), em Parnaíba e Enfermagem na UFPI de Picos.


Como se preparar

Para os candidatos que ainda irão enfrentar os concursos, o piauiense ressaltou que é importante ter o estudo como hábito, além de muita leitura e persistência. “A dedicação é um elemento fundamental para obter sucesso, e este, com certeza, é muito recompensador. Saber aproveitar o tempo é fundamental. Fazer horários de estudo e ter uma atividade de lazer também fazem a diferença durante a preparação. Sempre prestei bastante atenção nas aulas e procurei revisar as matérias em casa, fazendo muitos exercícios para fixá-las”, destacou.



Inácio de Sá também lembra que essa rotina era diária, e que o foco dos estudos era, principalmente, voltado para as matérias em que encontrava mais dificuldade. “Aquele conteúdo que eu tinha problema para compreender foi o que mais dediquei o meu tempo e foi assim que consegui tirar várias dúvidas”, disse.



Outra dica que o jovem dá aos estudantes que se preparam para fazer o Enem é estar atualizado em relação aos acontecimentos a nível de Brasil e mundo. “A prova do Enem não é aquela que os estudantes estudam somente a teoria, é preciso relacionar o conhecimento  teórico com o prático. Há muitas questões sobre acontecimentos diários que você só toma conhecimento se ler jornais e revistas ou se assistir telejornais. Estar informando é um grande passo para fazer uma boa prova objetiva e na redação”, recomendou o estudante

(*)  Gilcilene Araújo
Do G1 PI
Reações:
 
Top