80% dos crimes em Teresina tem menores envolvidos,
afirma Delegado Geral de Polícia

Imagens de adolescentes exibindo armas de fogo no Parque Lagoas do Norte, um dos pontos turísticos de Teresina, bem como em festas de pagode, reggae e swingueira realizadas nos bairros da periferia da cidade,vem ganhando repercussão nas redes sociais.

Em algumas situações os jovens se identificam como moradores dos bairros São Joaquim, Vila Inferninho, Santa Maria da Codipi, Vila da Prainha e Promorar. Geralmente circulam de motos pela cidade. 

O tribunadebarras.com tomou conhecimento de que o serviço de inteligência das atuantes polícias Civil  e  Militar do Piauí, está também atento às redes sociais e monitorizando o exibicionismo na internet dos elementos do mundo do crime; mas o problema para a polícia é o ECA - Estatuto da Criança e do Adolescente, que não pune os marginais menores de idade de forma severa e ainda os coloca "como vítimas da sociedade", dando-lhes regalias, privilégios.

Nos últimos meses, tem se tornado comum a divulgação de imagens de menores de idade ostentando armas e drogas nas redes sociais. No contexto familiar, segundo estatísticas dos jovens envolvidos no mundo do crime,  a maioria é formada por filhos de mães solteiras ou de pais separados; o que prova que o esfacelamento da família e a chamada "produção independente" da mulher, em certos casos, devido a falta de responsabilidade das mães solteiras para com a criação e educação dos filhos, está "parindo marginais". 
Reações:
 
Top