Jonathas de Barros Nunes, Nelson Nery Costa (presidente da Academia Piauiense de Letras) e Lisete Napoleão.

A escritora, professora e artista plástica Lisete Napoleão Medeiros, imortal da Academia de Letras do Vale do Longá – ALVAL,  lançou na noite desta Terça-feira (25), mais uma obra literária. Trata-se do livro "Um brinde à Vida".  A concorrida noite de autógrafos aconteceu na Academia Piauiense de Letras, em Teresina e contou com a presença de grandes nomes do mundo cultural, intelectual e social do Piauí.

A obra traz à tona poesias e prosas da autora, que faz um resgate de momentos de sua vida e também homenageia pessoas queridas. "O livro reúne vários textos que escrevi ao longo da vida e que falam muito dos meus momentos e de sentimentos  comuns à humanidade, como paixão, amor, saudade", contou Lisete Napoleão em entrevista ao tribunadebarras.com

A obra contém 217 páginas e reúne 60 poesias. O restante do livro é dividido entre prosas e crônicas escritas para jornais piauienses.

 Lisete Napoleão também traz algumas curiosidades inseridas em seus textos, como estudos sobre frases de efeitos muito usadas na linguagem popular e que comumente desconhecemos sua origem. "Frases "como ficar a ver na-vios", "sem eira nem beira", "entrar com o pé direito", são muitos usadas no nosso cotidiano. Então, eu fiz um estudo para explicar de onde surgiram estes termos", explicou a autora.

Autora de mais outros quatro livros: "Quem conta um conto aumento um ponto"; "Estórias que ouvi"; "Zamba"; "Uma estória atrás da outra", frutos de pesquisa produzidas em sua pós-graduação, onde a autora recupera memórias das tradições do imaginário popular,   Lisete Napoleão mostra agora outra face de sua literatura fazendo um brinde à vida.

 "A forma com que escrevi este novo livro estreia uma nova forma de me comunicar, mostrando a minha literatura e minhas emoções, quando resgato momentos que vivi, como o Recordar é Viver, mas que agora as lembranças são saudades", frisou.

 Em uma parte de seu livro, a autora dedica a fazer tributo aos seus pais, aos amigos e as suas cidades, Floriano, onde nasceu, Campo Maior e Barras, terra de seus pais, e Teresina, onde reside.


Lisete Napoleão é membro da Academia de Ciências do Piauí, Academia de Letras do Vale do Longá, Academia de Letras do Médio Parnaíba, Academia Campomaiorense de Artes e Letras e Academia de Letras da Região de Sete Cidades, além da União Brasileira de Escritores – UBE-PI. 






Lisete Napoleão autografando sua obra literária









Reações:
 
Top