Fortaleza: os índices de violência assustam, mas já foram bem maiores, comemora o Governo do Ceará.

O Governo do Estado do Ceará realiza no próximo dia 1º de Novembro o pagamento dos valores relativos a premiação por batimento de meta de redução de Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), no terceiro trimestre deste ano – julho, agosto e setembro. O tribunadebarras.com apurou que serão contemplados 18.537 policiais civis, militares e bombeiros, que receberão a compensação financeira por terem reduzido em 12,2% o número de CVLIs, no trimestre passado em relação ao mesmo período do ano anterior. O montante total a ser liberado chega a R$ 30 milhões.


Das 18 Áreas Integradas de Segurança, 13 apresentaram redução no terceiro trimestre (AISs 1, 3, 4, 6, 7, 8, 9, 11, 12, 14, 15, 16 e 17), sendo que doze delas caíram mais que os 6% estabelecidos como meta. As demais apresentaram crescimento. Após nove meses da implantação do Programa Em Defesa da Vida, pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Estado (SSPDS), o Estado do Ceará, não só bateu, como superou pela primeira vez, a meta estabelecida para redução de CVLI, que é de 6%.

Os policiais militares e civis e bombeiros militares da AIS 1 receberão valores adicionais que vão de R$ 1.450,71 a R$ 2.901,41. Na AIS 2, o valor variável é de R$ 585,17 a R$ 1.170,34; na AIS 3, de R$ 1.862,70 a R$ 3.725,39; na AIS 4, de R$ 1.938,44 a R$ 3.876,89; na AIS 5, de R$ 585,17  a R$ 1.170,34; na AIS 6, de R$ 1.673,33 a R$ 3.346,66. Na AIS 7, de R$ 2.052,06 a R$ 4.104,13; na AIS 8, de R$ 2.014,19 a R$ 4.028,38; e na AIS 9, de R$ 1.824,82 a R$ 3.649,65. Na AIS 10, de R$ 973,81 a R$ 1.947,62; na AIS 11, de R$ 1.976,32 a R$ 3.952,63; na AIS 12, de R$ 1.749,08 a R$ 3.498,15; na AIS 13, de R$ 585,17 a R$ 1.170,34; na AIS 14, de R$ 1.711,20 a R$ 3.422,41; na AIS 15, de R$ 1.786,95 a R$ 3.573,90; na AIS 16, de R$ 1.635,46 a R$ 3.270,91; na AIS 17, de R$ 1.900,57 a R$ 3.801,14; e na AIS 18, de R$ 585,17 a R$ 1.170,34.

Os servidores administrativos também receberão a gratificação. Neste caso, com mínimo de R$ 438,88 e máximo de R$ 877,75. O mesmo acontece com o policiamento especializado, que receberá mínimo de R$ 1.462,92 e máximo de R$ 2.925,84.
Reações:
 
Top