Os mais destacados jornalistas da história do Brasil não possuem formação acadêmica, são profissionais. O dom para a comunicação os fez jornalistas e o conhecimento eles aprimoraram com dedicação e amor a profissão.

O Movimento em Defesa dos Jornalistas Sem Diploma (MDJSD), criado em 2005, fundou no último domingo, em Brasília, a Associação Brasileira dos Jornalistas (ABJ), que pretende filiar jornalistas diplomados ou sem formação superior na área. A ABJ é presidida por Antônio Vieira, formado em administração de empresas, com especialização em matemática financeira, mas que trabalha como jornalista há 20 anos.

“Já tínhamos articulações pelo fim do diploma e com a decisão do STF decidimos institucionalizar a criação da ABJ, que será aberta a formados e não formados em jornalismo, porque sempre fomos discriminados pela Fenaj”, explica Vieira.


A associação terá representatividade em todo o território nacional, com 43 membros eleitos na Assembléia do último final de semana, além de Vieira na presidência da entidade.


Treinamento de profissionais de outras áreas


De acordo com o presidente da associação, o objetivo é a liberdade de expressão e a capacitação de profissionais de outras áreas interessados em jornalismo. “Uma das nossas ideias é criar um processo de treinamento e formação para pessoas de outras áreas de formação, com técnicas jornalísticas. A BBC de Londres faz isso, pensamos até em contatá-la para ver se é possível uma cooperação”, afirma.


Alex Bezerra, um dos vice-presidentes eleitos, faz uma forte crítica as faculdades de jornalismo, que na sua opinião limitavam a liberdade de expressão. “Agora os jornalistas terão amplo apoio na luta pela liberdade de imprensa e outros direitos dos quais estavam sendo negados pelo cartel das faculdades de esquina que lutaram com seus lobbys para que o diploma fosse obrigatório”, declara.


Além da formação da presidência da associação, a Assembléia aprovou sócios beneméritos e 300 associados, entre diplomados e não diplomados. Os interessados em informações sobre a nova associação devem enviar um e-mail para abj.net@gmail.com.


Esse trabalho de reconhecimento do jornalista também pelo seu dom e não somente pela sua formação acadêmica, vem desde 2009. Abaixo transcrevemos o Edital da convocação para a primeira assembléia da ABJ realizada no ano de 2009.



Convocamos, através deste edital final, todos os interessados em participar da ASSEMBLÉIA GERAL EXTRAORDINÁRIA de FUNDAÇÃO da ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS JORNALISTAS - ABJ a se realizar no próximo dia 26 de julho de 2009 as 9:30 hs no auditorio do HOTEL BRISTOL na SHS Quadra 04 Bloco F - (proximo a torre do eixo monumental) Brasilia - DF para maiores informações consulte o site do hotel: www.bristolhotel.com.br



A assembléia de fundação terá a seguinte ordem do dia:

1 - Abertura da assembléia pelo Coordenador do MDJSD Sr. Antonio Vieira que fará um prevê histórico do movimento e uma analise sobre a decisão do STF e o atual momento da categoria.

2 - Aprovação da minuta do estatuto consolidada com todas as sugestões encaminhadas pelos associados pré-inscritos até o dia 20/07/2009, as 20 hs. As sugestões deverão ser encaminhadas para o email: abj.estatuto@gmail.com até no maximo está data e horário. Somente serão recebidas sugestões para o estatuto social através deste email.

3 - Eleição da primeira diretoria da ABJ entre os associados pré-inscritos que manifestaram sua intenção de participar previamente da direção da entidade, também até o dia 20/07/2009 até as 20 hs enviando seus dados e manifestando sua intenção, conforme especificações exigidas no edital de convocação preliminar, para o email: abj.net@gmail.com (a lista dos primeiros pré-incritos que manifestaram a disposição, condição financeira e de tempo de participar da diretoria, relativa ao edital preliminar, segue anexa)

3 - assuntos gerais - propostos pelos associados fundadores no ato da assembléia.

Aqueles associados pré-inscritos que desejarem participar como associados fundadores da ABJ, mais não puderem estar presentes, devem enviar procuração por instrumento particular (modelo padrão anexo) para o endereço constante no proprio modelo até o dia 17/07/2009 (data final de postagem nos correios) afim de dar tempo de que as mesmas sejam recebidas e processadas aqui em Brasilia previamente, para que seu nome seja incluído na ata de fundação da ABJ. Não será necessario reconhecimento de firma em cartorio na procuração. Recomendamos que para evitar extravios, favor enviar a procuração por carta registrada.

Anexo segue a minuta base do ESTATUTO SOCIAL da ABJ para que possa receber as sugestões de todos os associados pré-inscritos até a data acima e seja consolidada para aprovação da assembléia de fundação no dia 26/07/2009

No dia 26/07/2009 após a realização da assembléia de fundação, logo em seguida do almoço, será realizada a primeira reunião da diretoria, para definir as ESTRATÉGIAS e PRIORIDADES, que deverão ser colocadas em pratica de imediato, afim de fazermos frente a todas as articulações contrarias a decisão do STF e as demais medidas necessárias a instalação da sede da entidade em Brasília entre outras questões.

Outra questão importante e que temos recebido muitas indagações é com relação ao valor da mensalidade. Fizemos pesquisa previa a nível nacional e constatamos que os valores variam de 15,00 a 25,00 mensais, em função disto, vamos propor que a mensalidade inicialmente seja estipulada em R$ 20,00.

Com relação a carteira de jornalista emitida pela ABJ será proposto o valor de R$ 35,00 que é um valor razoavel, cobrado por outras entidades nacionais, evitando assim que se repita o que acontece atualmente com a FENAJ que tem cobrado o absurdo valor de R$180,00 pela carteira.

Conseguimos negociar com o Hotel Bristol, condições especiais de hospedagem, para os jornalistas que forem participar da fundação aqui em Brasilia - DF, sendo que cada um deve realizar sua propria reserva, diretamente como o setor de reservas do hotel, acesse o site acima mencionado e antes veja as condições e valores acertados em anexo.

Agradecemos ainda a todos os companheiros que tem ajudado neste importante objetivo de fundar nossa entidade nacional, o que vai possibilitar a institucionalização de nosso movimento e também que estejamos presentes aqui em Brasília - DF defendendo nossos interesses, com o objetivo principal de evitar que nossos direitos adquiridos sofram qualquer tipo de retrocesso. 




Brasília – DF, 10 de julho de 2009



Antonio Vieira
Coordenador do MDJSD
Reações:
 
Top